Olá, mundo!

Welcome to WordPress.com. This is your first post. Edit or delete it and start blogging!

Anúncios
Publicado em Sem categoria | 1 Comentário

SE HOUVESSE AMANHÃ

Se houvesse amanhã certamente eu vos amaria

Se houvesse amanhã vós também me amaríeis

Se houvesse amanhã queria tanto ser igual a vós

Ser herdeiro do vosso caráter e da vossa conduta

Para dar continuidade e transmitir vosso legado.

 

Estou tão temeroso, sinto vossos planos para mim.

Tenho medo, mas muito medo dos vossos desejos.

Se vós não me queríeis, por que então me gerastes?

Sereis capazes de conviver com peso na consciência?

Deveríeis ter pensado nisso era antes de me gerarem.

 

Deus me pôs aqui dentro, como o milagre da vida.

E vós com irresponsabilidade tramais contra mim

Teríeis mesmo coragem desse ato cruel e irracional?

Sabeis?  Eu já tenho até um coraçãozinho a pulsar

Deis-me a chance de vos chamar: PAPAI! MAMÃE!

 

Onde estás, meu pai, por que concordas com isso?

Ah! Tinha me esquecido, como é cômodo para vós!

Não tereis obrigações para comigo e tereis liberdade

Fui fecundado por vós, que seríeis meus pais.

Agora, vós próprios vais me mandar para o PAI!

 

Que pena! Não houve amanhã…Somente o hoje!

Eu poderia ter crescido aprendendo e vos amando

Ter aprendido sobre todos mandamentos de Deus

Honrando-vos por toda a vida, no final cuidando de vós.

Que pena! Não houve amanhã…

Publicado em POEMAS | Deixe um comentário

MALDITO CIGARRO

DIA MUNDIAL SEM TABACO
31 DE MAIO DE 2009

 
Mercedes Pordeus.
Recife/Brasil

O homem, na busca do seu auto-extermínio
Aceita as drogas “lícitas” para o seu domínio
Drogas essas que o levam ao próprio declínio
Afetando a sua saúde, tira-lhe o raciocínio
Ainda assim, a vilã provoca-lhe o fascínio.

Como todas as drogas torna-o dependente
Dos seus órgãos aos poucos causa falência
Comprometendo na terra sua sobrevivência
Promovendo na vida humana a decadência,
Mas ainda assim diante dele, fica impotente.

E o vilão da sociedade nos lares se infiltra
mascarando a maldade com um mero filtro
e o lobo em pele de cordeiro provoca atrito
nos lares, famílias sofrem e entram em conflito
Assistindo o ente querido aniquilar seu espírito.

Viva com a qualidade de vida que Deus lhe deu
Liberte-se do vício, desperte para o bom da vida.
Seja você e vença o maldito vício com a despedida
Faça da sua inteligência seu guia, livre-se do pesticida
Supere-se, supere o vício, você pode com supremacia!

O fumante compromete a sua saúde e dos seus semelhantes
Que de modo passivo absorvem o perigoso benzopireno
Gera para ambos comprometimento dos seus órgãos vitais
Até que ele desperte para banir as degradações pessoais
A escravidão do maldito vício e experimente bons mananciais.

Felizes dos que encontram forças antes que se fulminem
Já não sei em que diferem os termos “lícitos” e ilícitos
E os interesses que impulsionam a que se fechem os olhos
Fingindo não perceberem que drogas são sempre drogas
Mas uma mera classificação pré concebida disfarça o perigo.

Quando chegará o dia em que este mesquinho vilão
Deixará de nos lares estabelecer a sua morada
E sob o pretexto de um filtro, a família violentar?
E, se isso não acontece legalmente, sem providências
que os homens utilizem a inteligência para se libertar.

Vida saudável ou morte lenta você pode escolher
Se quer deixar a sua família de saudade sofrer
Ou junto com você no seu leito de sofrimento padecer
Sem lembrar que o Espírito Santo quer lhe bendizer
Maldito…Maldito cigarro, para sempre seja maldito.

Cigarro escraviza
Cigarro aterroriza
Cigarro inferniza
Cigarro para o mal canaliza.

Não entendo como no nosso país possa existir o que se chama de “DROGA LÍCITA”, acho vergonhoso um país carregar a mancha dos industriais que comandam essa máquina mortífera que de acordo com estatísticas divulgadas na televisão ceifa uma vida a cada oito segundos.
Droga é droga causou dependência… É DROGA!
Gostaria de saber se os industriais do fumo provam do seu próprio veneno.
Acho pouco provável, pelo menos para a maioria.
A situação é tão séria e calamitosa que os próprios médicos cardiologistas estão se negando a atenderem seus pacientes de anos porque não conseguem se livrar desse mal iminente, pois não acham justo assumirem a responsabilidade do que possa lhes acontecer por não serem capazes de deixar o vício e mais tarde esses médicos não querem vir a serem apontados como culpados do que venha a acontecer a esses pacientes, pois lhes poderá ser cobrado pela família: como aconteceu uma morte súbita, um enfarte ou AVC, quando vinham sendo acompanhados anos seguidos, é essa nossa realidade meus amigos.
Além de esse vilão provocar abortos espontâneos, dentre outros males irremediáveis.
Tenho sabido nos últimos dias de pessoas que estão sofrendo sobre uma cama de hospital, UTI domiciliar durante meses, anos e são exemplos bem pertinho de mim, pais e parentes de amigos meus.
Ainda esta semana foi noticiado o falecimento de um radialista de Petrópolis residente aqui em Recife por insuficiência pulmonar e logo após a notícia no NE TV, o repórter acrescentou…Fulano era FUMANTE!
O que dizer dessa realidade?
Ah! Mas alguém pode dizer; mas nos maços de cigarro há advertência do MINISTÉRIO DA SAÚDE, tanto por escrito como fotografias horrendas existe até o telefone para quem quer se livrar do vício!
Pare de fumar, disque saúde está também nos maços de cigarro o:
0800 61 1997, e ainda sobre uma tarja preta ESTE PRODUTO CONTÉM MAIS DE 4700 SUBSTÂNCIAS TÓXICAS E NICOTINA QUE CAUSA DEPENDÊNCIA FÍSICA OU PSÍQUICA, NÃO EXISTEM NÍVEIS SEGUROS PARA CONSUMO DESTAS SUBSTÂNCIAS.

Digo-lhes ainda, esse telefone 0800 61 1997 tem ajudado a muitas pessoas, conheço um casal que está no programa há uns três meses e ambos estão vencendo a batalha, como outras pessoa que freqüentam o grupo, muito embora pneumologistas e psiquiatras afirmem que a melhor maneira de se livrar desta triste dependência seja marcar o dia e PARAR e eu também penso desse modo.
Também conheço pessoas às quais os cardiologistas dizem que precisam parar imediatamente e eles pararam definitivamente do dia para a noite.
Por que conto esses exemplos? Porque são verdadeiros e acho triste os fumantes persistirem no vício através do qual adquiriram a dependência física e psíquica.
E, se falarmos daqueles menos esclarecidos, outros que nem se quer aprenderam a ler, de que vale figuras aterrorizantes e advertências contra os malefícios do maldito tabaco.
Sem contar ainda, que para trezentos cigarros perdemos uma árvore das nossas florestas.

Existem cerca de 4.720 substâncias tóxicas na fumaça do cigarro que trazem riscos à saúde dos fumantes. Além das mais conhecidas, como nicotina, alcatrão e monóxido de carbono. A fumaça também tem substâncias radioativas como polônios 210 e cádmio encontrado em bateria de carros.
E, no entanto, nas carteiras de cigarro constam apenas três deles, a saber: alcatrão, nicotina e monóxido de carbono.
Eu, sinceramente não sei até onde está figurada a atitude de Pilatos nessa questão, quantos estão "lavando as mãos" e fazendo “vista grossa” a essa monstruosa realidade brasileira e também mundial.

De qualquer modo quero deixar um link muito rico e esclarecedor, inclusive com uma cartilha contendo as dicas de como se livrar desse malefício é um site oficial do governo:

http://www.inca.gov.br/tabagismo/

Dicionário Digital de Termos Médicos
1.03309. BENZOPIRENO
Um potente agente cancerígeno, formado pela combustão incompleta do tabaco, hulha e óleo. Ele é encontrado no alcatrão da fumaça do cigarro e pode ser um fator na relação entre fumo e câncer de pulmão, câncer de laringe e da cavidade oral, e possivelmente câncer de bexiga e pâncreas. O benzopireno e outros hidrocarbonetos polinucleares estão também presentes em carnes fortemente grelhadas sobre carvão e em peixe defumado, assim como na atmosfera sobre grandes cidades, onde eles são poluentes do ar.
http://www.pdamed.com.br/diciomed/pdamed_0001_03309.php
Benzopireno é um hidrocarboneto aromático policíclico. É mutagênico e altamente cancerígeno. Pode ser encontrado nos gases de exaustão de veículos automotores (especialmente os movidos a diesel), na fumaça do cigarro, da maconha e da madeira, além de alimentos grelhados na brasa.

Isso é só um componente…PARE…PENSE e CONSCIENTIZE-SE E DECIDA POR SUA LIBERDADE.
Torço e peço a Deus que consiga.
Que Ele abençõe os fumantes e os livre deste MAL

DIA MUNDIAL SEM TABACO
31 DE MAIO DE 2009

Publicado em POEMAS | Deixe um comentário

O PEQUENO CAÇADOR DO AMOR

O PEQUENO CAÇADOR DO AMOR
Mercêdes Pordeus
Recife/Brasil

Seu olhar triste traduzia o vivido sofrimento
Carregava sobre seus ombros a responsabilidade
A única coisa que conhecia como sua realidade
E continuava assim a conviver com o seu tormento.

 

Sendo tão frágil e indefeso aquele pequenino
Em busca do alimento para aqueles a quem ama
O pequeno caçador vai surgindo pela estrada
Vencendo as dificuldades impróprias de um menino.
 
Uma criança que só precisava estudar e ser criança
Sim! Direito que de forma cruel lhe fora negado
Pela dura obrigação que pela vida lhe fora imposta
Fazendo com que se dissipasse a sua esperança.
 
Surgia da sua paisagem pisando aquele chão
Sem nos pezinhos finos ter nenhuma proteção
Era aquela paisagem, a única que ela conhecera.
Talvez por isso tenha se habituado a sua condição.
 
Triste, mas não me parecia criança revoltada!
Seu semblante era resultado de sua conquista
Satisfeita sabia que veria a família alimentada
Nesse intento se sentia uma criança realizada.
 
Talvez tenha sido com esse nobre sentimento
Que alguém ao pincelar uma tela em branco
Refletiu o colorido da pureza da inocência
Desprezando toda mágoa da sua vivência.
 
A artista que retratou com tinta e pincel
Uma cena que assim poderia ser descrita
Criança triste, mas sem a maldade do rancor.
Que só se importava com sentimento do amor.
 
Seriam essas as letras da pintura?
 
Em 20/11/2007
(dedicado a " The Little Hunter" de Analua Zoé, no cenário As Letras da Pintura Nº. 2 do Grupo Ecos da Poesia )
 
 
Publicado em POEMAS | Deixe um comentário

RETRATO DE UM FIM DE TARDE

RETRATO DE UM FIM DE TARDE
Mercêdes Pordeus
Recife/Brasil
 
Eu senti a necessidade de me encontrar com a solidão
Não uma solidão que me conduzisse a tristeza, isso não.
Mas, uma forma de meditar como conduzia minha vida.
Eu estava introspectiva, fixei meu olhar sem pretensões.
Divaguei num ponto, no qual apenas a natureza me guiava.
 
Era como se me deixasse retratar numa obra de arte
Onde só o artista me fitava docilmente e pincelava
Transcendendo a linha daquela linda paisagem física
Que só alguém com muita sensibilidade transformava
Alguém que traduz com a singeleza das mãos… a vida.
 
Era o crepúsculo, o sol já tão pertinho do horizonte!
Inspirava o pintor como a relação entre poeta e poesia
Era uma linda mistura do azul do dia e o escuro da noite
Os matizes formavam lindos nuances num belo contraste
Eram cores suaves que se misturavam com a paisagem.
 
O verde, o azul, o amarelo, as montanhas pareciam magias.
Transportei-me como uma pluma no ar, com doce maestria.
Acordei… E não queria acordar! Mas enfim daquele momento…
Sobrou algo que nunca pude esquecer, vi naquela tela o talento.
De quem tem nas mãos o dom de fazer a linda poesia colorida.
 
Transformando em obra de arte meu desejo de fim de tarde.
 
Em 23/10/2007
(especial para as Letras da Pintura, quadro "Fim de Tarde no JD de
Maguetas"  de Washington Maguetas)
 
 
Publicado em POEMAS | Deixe um comentário

O RECIFE E SUA POESIA

O RECIFE E SUA POESIA

Mercêdes Pordeus

Recife/Brasil

 

Recife cidade feliz

Na poesia não se contradiz

Pois vive diariamente com maestria

Não importando se de noite ou de dia

O Recife vive, ama e respira poesia,

 

Tantos poetas aqui suas vidas passaram

Tantos poetas aqui fizeram suas histórias

Em cada canto e recanto se eternizaram

Cantaram em versos toda nossa história

Assim, é uma cidade cantada em glórias.

 

História, lutas, batalhas e seu romantismo.

Estão revelados com a poesia e altruísmo

O Recife é berço de revoluções libertárias

Na ânsia de formar conquistas igualitárias

O pernambucano deixa seu conformismo.

 

Cidades, Estados, países, sem problemas?

Aponte-me alguém um que não os possua

Mas, ter um povo que saiba viver a tradição.

Valorize o legado que deixado como prêmio

Isso é de poucas, o privilégio na educação.

 

Esta se retrata de forma popular

Muito espontânea em cada esquina

Ah! Sabedoria popular que nos faz sonhar

Sonhos que se dispersam e se diluem

Escoando nas águas doces dos seus rios.

 

O Recife clama por poesia e ela sente a emoção

Quando vivida nos corações externa a comoção

Emoções na simplicidade na forma de falar

Do povo recifense, do povo pernambucano.

Que faz questão de mostrar que é humano

 

Também as cidades interioranas carregam na alma

Com muita intensidade os versos que as acalmam

Ali reina a poesia popular, romântica e cordelina

Expressão de um povo que mesmo sofrido

Consegue a emoção de viver com adrenalina.

 

Manuel Bandeira, Gilberto Freyre, Mauro Mota.

Ascenso Ferreira, Solano Trindade, dentre tantos.

Deixaram seu legado quer de uma forma popular

Social… E dignos são de receberem nosso tributo

Na cultura e educação deixaram grande contributo.

 

A nossa literatura nada deixa a desejar

E nem precisa de as outras se comparar

Ela é singular, simples, rica e exemplar.

Se nossos poetas passarmos a dignificar.

Vivendo no solo pernambucano a nos orgulhar.

 

As manifestações poéticas e literárias

São formas de agradecimentos diários

Para aqueles que nos engrandeceram

No nosso interior, dentro do país e exterior.

Assim temos o poeta consagrado e amador.

 

20/09/2008

 

Publicado em POEMAS | Deixe um comentário

AMAR AO PRÓXIMO COMO A SI MESMO

AMAR AO PRÓXIMO COMO A SI MESMO

Mercedes Pordeus

 

 

Nos tempos atuais as pessoas andam muito agressivas e querem revidar quaisquer atos que não lhes agrade vindo do próximo, às vezes sem nenhuma intenção de magoá-las.

Basta topar um no outro e o impulso de revidar é automático.

Amar ao próximo aquele que está pertinho de nós sempre com atitudes que nos agradam, isso é muito fácil!

Imaginemos amar aqueles que nos fazem mal, que nos querem mal.

Em Mateus 5:44, “ Jesus disse: Eu porém vos digo: Amai aos vossos inimigos, e orai pelos que vos perseguem”.

Jesus veio para tornar inválida a lei do dente por dente, olho por olho, mas será que nós humanos, cheios de falhas saberemos perdoar e provar assim que amamos nosso irmão como a nós mesmos?

Jesus Cristo no madeiro deu-nos duas grandes lições:

1ª Quando clamou a Deus: Pai perdoe-lhes porque não sabem o que fazem.

2ª Quando garantiu ao ladrão que lhe pedia perdão, que naquele dia mesmo estaria com Ele no paraíso.

O perdão, a amor ao próximo devem ser atitudes do cotidiano.

Por que tantas guerras, tantos homicídios, tanta desolação no mundo, principalmente com as crianças que Jesus pediu aos apóstolos para que as deixassem ir até Ele porque delas é o Reino dos Céus? 

São elas que comprovam a existência da inocência no mundo.

Jesus também não disse que para herdar o Reino dos Céus deveríamos nos tornar crianças?

Por que então tanta maldade no mundo?

Primeiramente porque o ser humano não se ama, não respeita o corpo, a alma e o Espírito que Deus lhe deu, e nem se quer sabe cuidar dessa riqueza.

A violência começa muitas vezes nos lares, com o desrespeito entre pais e filhos e irmãos entre irmãos, isso explica como ela extrapola os limites dos lares e se dissemina nas ruas até tomar as dimensões de uma guerra, e não só isso, a sede pelo poder é tão grande que tira a consciência dos homens.

O amar ao próximo como a nós mesmos requer acima de tudo que nos coloquemos no lugar do outro para sabermos se gostaríamos que aquele mal, o qual fazemos a ele, nos faria feliz se fosse conosco.

É crucial essa tomada de atitude para compreendermos as atitudes de Jesus Cristo na cruz, e aplicarmos em nossas vidas em relação ao outro para o exercício contínuo do perdão e da compreensão do irmão.

Procurando nos conhecermos, nos tornarmos pessoas melhores, certamente amaremos a nós mesmo e só assim aprenderemos a amar o irmão.

Que possamos olhar para Deus, compreendê-lo e nessa atitude, possamos fazer da vida uma poesia plena dos mais sinceros sentimentos de fraternidade, sem nenhuma discriminação.

A fraternidade, o conhecimento de nós mesmos, o despertar do amor por nós e nossos semelhantes é uma forma de entoar a poesia através de lindos cânticos… Isso é AMOR!

 

 

Em 18/03/2008 

Publicado em PROSA | Deixe um comentário